Skip to content

Adauto Domingues também já foi ao pódio da São Silvestre, mas vitória mesmo só com Marílson

14/12/2014
Adauto cruza a linha de chegada em terceiro em 1985

Adauto cruza a linha de chegada em terceiro em 1985

Nem todos sabem, mas Adauto Domingues, técnico do tricampeão da Corrida Internacional de São Silvestre Marílson Gomes dos Santos, também já foi ao pódio da prova de rua mais famosa do Brasil. E, apesar das 15 participações, entre 1976 e 1995, o bicampeão pan-americano dos 3.000 m com obstáculos (Havana/1991 e Indianápolis 1987) nunca conseguiu conquistar o título – foi terceiro em 1985 e 1988 e quinto em 1987 e 1990.

A história começou a mudar quando Adauto encerrou a carreira e passou a treinar Marílson. Em 1999 e 2001, Marílson foi quarto colocado, mas o vice-campeonato, em 2002, mostrou que o sonho de Adauto de vencer a São Silvestre, mesmo que como treinador, estava perto de se tornar realidade. A realização veio em 2003, com o primeiro título de um brasileiro depois de um jejum de cinco anos.

“Quando ele ganhou, pronto. Percebemos que era possível e a sensação foi quase igual à de um título meu. Ver o Marílson na final da Brigadeiro Luiz Antônio na frente e saber que a prova estava ganha foi como se eu estivesse ali correndo. Não deu para segurar as lágrimas”, disse Adauto.

A gazetaesportiva.net contou essa história, que também está no site da São Silvestre. Confira!

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: